abril 01, 2008

DESTINO



O caminhar lento,direcionando a cabeça para baixo e fazendo olhar a sombra dos seus passos.
Num conflito interno de sentimentos,a vida passa a ser levada por emoções,a onde alguns corações convive com lágrimas,outros simplesmente abatido e sem motivo pra risadas,felicidade.
A palavra destino deixa a vida incerta,pois se pensarmos nisso tudo ficaremos loucos ou deixaremos de viver o próximo segundo,mas o destino não é simplesmente uma palavra e sim o significado que no final retornaremos ao pó,morreremos.
O nascer te cada dia passa a ser a esperança de quem resiste ao sofrimento e a dor,também sinto essa esperança,mas a dor infelizmente não vem como forma de pagamento a vista e sim a grandes prestações,altos juros.
Na multidão me torno apenas uma célula em movimento,alguns olhares direcionado a mim,outros não,mas nada disso importa,pois todos estão atrás de algo,respeitando alguns estigmas de ética.Pensando assim vivo num mundo perfeito,mas retorno a lembrar que as regras que foram criadas,também servem para ser violadas,então nada é tão perfeito assim.
Enfim tudo caminha em um ciclo e a perfeição é um dom que não será alcançada por mãos condenadas,nem muito menos por mentes que invocam a pureza ou algum outro sinal de bondade,sendo que já nascemos contaminados por alguma doença,além dos sete pecados capitais que habita na cidade coberta de cinza.
O pensamento vaga em um universo altamente qualificado e super-artificial,resumindo a realidade em um patamar óbvio de concretização e nisso passamos nossas vidas pagando um alto preço.
O tempo permitiu mais alguns passos,a sombra reflete um corpo e a alma busca por algo,a cabeça está erguida e passar a olhar nos olhos do próximo pode se encontrar o outro lado da verdade.

Nenhum comentário: